Para Esclarecer: Fama Não é Arte.

  • by Welton De Oliveira
  • 4 de agosto de 2016

Olá Rockers.

Assistindo a um vídeo do Vinicius Soares do Palco digital sobre tipos de fãs, que eu achei demais, resolvi dissertar minha visão a respeito e compartilhar com vocês.

Muitos roqueiros caem uma armadilha chamada fama, sendo que a fama deve ser a CONSEQUÊNCIA do seu trabalho artístico e nunca o objetivo. Entenda que a fama como objetivo traz consigo a perda do foco no trabalho, e passa a alimentar a vaidade do indivíduo em querer apenas aparecer sem ter o que mostrar, e não da forma correta que é através da arte.

Logo ele sofrerá da síndrome do rock star, que é pensar que é famoso só porque toca em uma banda, e na verdade é apenas mais um em mais uma banda.

Já a fama por consequência do trabalho (mais corretamente chamada de sucesso) é sólida, duradora e independe da pose do artista em questão, pois os fãs virão pelo que ele apresenta e logo ele será famoso porque sua obra está sendo compartilhada.

Repense sua atitude com sua carreira e seus objetivos, não perca o respeito pela arte a troco de uma fama SEM IDENTIDADE, pois é assim que muitos vivem, cheios de talentos, mas, sufocados pela vaidade, esqueceram de priorizar a arte e o profissionalismo, o cover vira o divã para desabafar as frustrações da carreira que não pode viver intensamente.

A fama não é arte, MAS A ARTE É FAMOSA DESDE SEMPRE.

Seja artista profissional e famoso,  nunca apenas um famoso, não passe a vergonha de ser chamado de personalidade da TV, celebridade.

Previous «
Next »

Radialista, cantor, compositor, roteirista, escritor e comerciante.

Deixe uma resposta

Arquivos